About Me

domingo, julho 23, 2017

Resenha: Princesa Implacável- Mary Oliveira

| |
Título: Princesa Implacável
Autor: Mary Oliveira
Editora: Independente
Publicação: 2016
Gênero: Romance
Páginas:  441
ISBN: B00T3IUO8I
Classificação: 
Sinopse:Hannah nunca fora um paradigma no que diz respeito ao seu título de princesa. Na verdade, ela sempre tentou fugir dos padrões impostos pelas leis e doutrinas equivocadamente impostas na sociedade em que vive. E, por mais que estivesse sempre disposta a sair do conto de falhas que sua vida era, ela não conseguira. Nunca tivera sequer uma chance. Até agora. 
Após ser obrigada a se casar com um homem sete anos mais velho, homem este responsável por algo terrível na vida de outra mulher, ela se surpreende quando em sua noite de núpcias ele lhe faz uma proposta. Poderia ser a coisa mais louca que ela faria para fugir de seu pai e a coroa que, com o decorrer dos anos, passou a odiar. Mas era válido, e talvez fosse sua última chance. A questão era que o destino lhe reservara uma surpresa, um imprevisto, e este agiu de forma inexorável ante todos os seus planos. Mas foi o que a ajudou a descobrir o que estava por trás de seu casamento, e, principalmente, a começar a entender os motivos que levaram seu marido a oferecer-lhe aquele acordo. No fim, ela percebera que havia mais segredos e perigos envolvendo a união dos dois do que imaginara.
Em Princesa Implacável nós conhecemos a Princesa Hannah, filha do príncipe de Camdribel, uma península pertencente a Espanha, onde a igualdade sexual não é considerada e casais não se casam por amor. Hannah é egoísta, mal humorada e só pensa em sí. Sonha no dia que poderá ser livre e tomar suas próprias decisões sobre sua vida, fato que lhe levou a ter muitas discussões com o Príncipe Jordan, seu pai.
“Papai estava certo em dizer que eu nunca amei nada de verdade. Que nunca pretendi colocar ninguém acima de mim. Que minhas escolhas eram sempre para o meu bem. E que eu não me importo com as consequências do que faço desde que consiga o que quero.”
Após ser forçada a casar com seu recente marido, o filho do príncipe de Constia, ela se vê em uma lua de mel de ‘status’, tendo que agir como esposa de Henry na frente dos paparazzis, mas por trás tenta ô afastar usando todas os argumentos possíveis.
Logo no primeiro dia Henry lhe propõe um acordo: Após as duas semanas de
lua de mel, Hannah terá a chance de escolher o que quer para seu futuro, voltar para Constia e continuar com seu casamento, ou seguir sua vida sozinha. Ela contará com a ajuda do velho diário da sua mãe, que escreveu especialmente para ela ainda grávida, e que faleceu após o parto.

“Hannah, antes de pensar em desistir, acredite… Você pode ser muito feliz com a pessoa que sente ódio no momento…” - Quote do Diário
Porém, seus planos vão de água abaixo após a morte do pai de Henry, dendo assim que voltar com o princípe para a sua nova península. Ela terá que ser forte para aguentar o que está passando, e no castelo fará novas amizades como Joane, Julia e Berta, as cozinheiras.
Enquanto Hannah planeja formas de se afastar do marido e não deixar que ele a toque, o amavél Henry planeja como conquistar a sua princesa, a garota que amou por toda a adolecência e que não deixará fugir.

"Hannah é parte indispensável em minha vida, é o único motivo pelo qual eu não desabei meses atrás ao perder papai, a única razão para eu não agir com reticência enquanto todos tentavam nos separar."-Henry
Mas, o que o casal não esperava era que existia alguém por trás de todos os mals acontecimentos que estava havendo, e que não íria sossegar até conseguir a desunião dos dois.
Ao iniciar o livro, nos deparamos com uma história quente e Envolvente, narrada pela própria protagonista e em alguns capítulos, pelo Príncipe.
Logo nas primeiras páginas, já consegui me viciar ao livro e não conseguia largar. Essa não é uma história leve, nem mesmo Chiclê, a capa página virada é uma nova surpresa. Eu fiquei muitas vezes sem fôlego e tive que dar pausas para poder respirar 😅.
Não achei a narrativa parada, ao contrário, a história flui bastante. Adorei o fim de Theodory, não esperava que ele fosse quem fosse, e não vou entrar em detalhes para não ser spoiler, só vou adiantando que ele é o “melhor amigo” de Hannah, e apaixonado pela mocinha.
O desfecho não poderia ser melhor, e adorei o capítulo extra que a autora adicionou ao livro, nos levando a viajar em uma nova aventura com os personagens…
Aguardo ansiosa pela continuação Princesa Impulsiva.

Não recomendo essa história para crianças.
Resultado de imagem para princesa implacavel

4 comentários:

  1. Genteeeeeeee 💜💜💜 que resenha linda, tô aqui sem nem saber o que dizer ❤❤❤ estou muito feliz que tenha gostado tanto do livro. Que Henry tenha te conquistado. Em breve teremos novidades sobre Príncipe Indecente ❤❤❤

    Obrigada pela resenha Linda 😍😍

    Beijos 😘

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Haha Que bom que você gostou da resenha. Eu A-D-O-R-E-I seu livro! Espero ansiosa pela continuação ( e pela volta do meu crush hahaha).
      Beiijinhos

      Excluir
  2. Arrase menos, Laura!!!❤❤❤
    Resenha Top!!!

    ResponderExcluir